é de pedra o silêncio pousado entre nós,
não sei onde começaram as palavras de morte
- talvez tenham sido no dobrar da noite,
em que me disseste que o amor é a apenas uma palavra
e um incêndio de sal, pousou, prostrado
entre o meu corpo e o teu
até um dia, o mar, se despojar de nós


ollie macfarlane - shadows (fonte: youtube.com)

1 comentários:

Ruca disse...

meu grande amigo

é bom saber que te compreendo assim tão bem. temos então algo ainda melhor para estimarmos.
boa sorte na tua nova viagem, estou cá para te dar força da forma que sei: a compreensão de outro ser humano que não quer aprender fazer falsas promessas.
Onde quer que vás a minha casa é sempre um teu porto de abrigo, onde quer que ela seja.

Boa caminhada, boa sorte e desejos de muita paz